30 de mar de 2011

Quem tem medo de massa?? É possível aproveitar os nutrientes do macarrão sem abusar das calorias?



A cozinha italiana é rica em sabores e usa ingredientes variados para a confecção de seus pratos. Ainda assim, a massa é umas das figuras de maior destaque no prato de italianos e admiradores desse tipo de culinária.
Se o macarrão foi ou não inventado na Itália, essa é outra conversa. O fato é que um simples prato de massa pode ser uma refeição fácil de preparar além de muito saborosa. Por ser formado principalmente por carboidratos, o macarrão é uma boa fonte energética. Por outro lado, é um alimento que pode engordar, mas se consumido com moderação e incluído em uma rotina com exercícios físicos, você só terá a ganhar com esta refeição.O segundo passo para uma massa perfeita é verificar os benefícios de cada ingrediente que entrará no prato. O mais indicado é adicionar verduras e legumes para diminuir as calorias. O macarrão ao sugo, por exemplo, é uma opção magra, (tem cerca de 100 calorias por porção de 100 g), feita apenas com molho de tomate, que é fonte de licopeno, uma substância antioxidante essencial para o organismo. Para dar um toque pessoal, você pode incluir temperos como manjericão ou manjerona, que promovem a saúde. Só tome cuidado com a adição do queijo. Cada colher de sopa de parmesão costuma ter cerca de 45 calorias e 3 gramas de gordura.


Conheça os principais tipos de massa disponíveis para consumo:

Massa comum: Elaborada com farinha de trigo e água,o que a atorna mais acessível.

Massa de sêmola: Feita com uma farinha de trigo mais nobre.

Massa com ovos: Elaborada com a adição de três ovos por quilo de farinha.

Massa grano duro: Feita a partir de um trigo especial chamado trigo durum. Fica naturalmente al dente.

Massa integral: Feita com farinha de trigo integral, contém mais fibra em sua composição.

Massa com vegetais: São massas coloridas nas quais são acrescentados vegetais como beterraba, espinafre e cenoura.

Massa artesanal: A massa é laminada, o que a faz apresentar maior porosidade e absorção do molho.

Massa fresca: Feita com ovos e farinha de trigo, são elaboradas com semolina de trigo, sua parte mais nobre, que deixa a massa muito mais leve, macia, mas também al dente.

Agora que você já sabe de tudo isso é só aproveitar com uma boa taça de vinho.
Bom apetite.


Fontes: Unesp e Abima (Associação Brasileira das Indústrias de Massas Alimentícias).

Nenhum comentário:

Postar um comentário